sábado, 30 de janeiro de 2010

João oferece ao PV vaga de vice na chapa governista; partido analisa




Apesar de o grupo defensor do apoio do PV à candidatura do vice-governador Iberê Ferreira de Souza (PSB), na disputa pela sucessão estadual, ganhar cada vez mais força, a aliança só será firmada, seja com o governo ou com oposicionistas, quando um dos grupos fechar apoio à reeleição da prefeita de Natal, Micarla de Sousa (PV), para as eleições de 2012.


A decisão de colocar os objetivos do partido para a próxima eleição municipal na mesa de negociações das eleições deste ano foi tomada durante o primeiro encontro do PV em 2010, ocorrido na casa de veraneio de Micarla, no início do ano, em Piranbúzios. Na ocasião, os verdes também se mostraram favoráveis à indicação do vice-governador, na chapa que o partido integrar.


Os membros da sigla se sentiram rejeitados pela oposição pelo fato de o deputado estadual Robinson Faria (PMN) ter sido convidado para ser vice da candidata oposicionista ao governo, senadora Rosalba Ciarlini (DEM), e o PV só ter sido informado das negociações por meio da imprensa. Os verdes exigem participação nas negociações.


Além de provavelmente não ter o espaço para indicar o vice da chapa de oposição, o PV corre o risco de não contar com o apoio de alguns dos atuais aliados nas eleições de 2012. O deputado federal Rogério Marinho (PSDB), que apoiou Micarla em 2008, é um dos potenciais adversários da prefeita para 2012. Com o lançamento de uma candidatura do PSDB, o Democratas poderá deixar a administração verde para apoiar o candidato dos aliados nacionais.


O lado governista ainda não definiu o vice e usará a vaga para tentar atrair o PV. No que diz respeito às eleições de 2012, o grupo de Iberê, que é liderado pela governadora Wilma de Faria (PSB), não possui candidatos potenciais à prefeitura de Natal. O quadro muda se Wilma dor derrotada na eleição para o Senado. Nesse caso, a atual governadora seria a adversária natural de Micarla.


A derrota da governadora não é interessante para o PV, que estaria colocando contra Micarla uma adversária de força, para as eleições de 2012. Por isso, o segundo voto dos verdes deverá ser de Wilma de Faria. O primeiro já foi confirmado por Micarla que será do senador José Agripino (DEM).


Os verdes estão divididos quanto ao rumo que o partido deve tomar nas eleições deste ano. Enquanto os deputados estaduais Gilson Moura (PV) e Luiz Almir (PV) preferem se aliar ao governo, o colega deles Paulo Davim (PV) defende uma aliança com a oposição. Moura e Almir já declararam voto em Wilma para o senado. Davim aguarda a indicação do partido para ser suplente do senador José Agripino (DEM).


João Maia articula adesão de verdes a Iberê Ferreira


Apesar de não ter informado à imprensa sobre o conteúdo da conversa de quase três horas que teve, ontem, com a prefeita de Natal, Micarla de Sousa (PV), o CORREIO DA TARDE apurou que o deputado federal João Maia (PR) foi até a gestora a missão de aproximar o PV da base governista. Uma fonte informou que o deputado prometeu empenho total na eleição do vice-governador Iberê Ferreira de Souza (PSB) para chefe do executivo estadual.


O vice da chapa de Iberê seria indicado por João Maia. No entanto, o deputado abrirá mão de indicar um membro do PR para ter o PV na base governista. A conversa entre Maia e a prefeita ainda não gerou definições. Micarla continua sem candidato a governador e à espera da confirmação de apoio de um dos sistemas políticos à sua reeleição.


A estratégia da base governista, que contará com João Maia e o deputado federal Henrique Alves (PMDB) nas articulações, é neutralizar a força da senadora Rosalba Ciarlini (DEM) na Região Metropolitana de Natal. Nos municípios de Macaíba, São Gonçalo do Amarante e Ceará-Mirim, situação e oposição vão apoiar a candidatura de Iberê. A adesão de Micarla é o que falta para consolidar a força do grupo.


Empenho


João Maia, em entrevista à Rádio Caicó, ontem, prometeu empenho na campanha de Iberê para o governo. Apesar de não ter ainda feito o anúncio oficial de apoio à candidatura do vice-governador, Maia já deixou claro que estará no palanque do pessebista e trabalha para fortalecer a candidatura de Iberê. "Aliado de verdade é aquele que trabalha para ajudar a ganhar. Essa é a minha tese", afirmou.


O deputado admitiu que terá dificuldades para unificar todos os diretórios municipais do PR em torno da candidatura de Iberê. Ele disse que as questões municipais influenciarão bastante na disputa deste ano. "Teve um tempo que era muito mais fácil, porque você tinha um lado, tinha outro lado e pronto. Hoje nós temos muitas dificuldades, não de apoiar Iberê, mas as realidades locais são muito diferenciadas", avaliou.


O republicano informou que está tendo dificuldades para acomodar aliados no palanque do PSB em Parelhas, Currais Novos e Assu. No entanto, disse que conversará com aliados na expectativa de conseguir reverter essa situação. "Meu estilo é esse. Vou colocar meus argumentos, vou ouvir e vou ver quais são as questões que a gente pode resolver. Eu tenho me dedicado muito a isso. Cada lugar tem seus problemas e eu estou tentando conversar com cada um para resolver essas questões", concluiu.

Repasse de royalties para o RN é supeior a R$ 24 milhões

Os royalties pagos pela atividade de exploração e produção de petróleo e gás natural na Bacia Potiguar totalizaram em janeiro, R$ 24,79 milhões ao governo estadual e 94 prefeituras do Rio Grande do Norte. Desse montante, R$ 12,87 milhões foram destinados ao Governo do Estado e R$ 11,92 milhões aos municípios.


Os municípios de Goianinha, Ielmo Marinho e Macaíba receberam o montante de R$ 641,88 mil, cada, por disporem de instalações de medição e transferência de petróleo e/ou gás. Todos os dados são públicos e divulgados pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), por meio do portal www.anp.gov.br.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Caern inicia nesta sexta perfuraçãode novo poço em Apodi

EM SEGUIDA, A COMPANHIA COMEÇA IMEDIATAMENTE A PERFURAÇÃO DE UM POÇO RESERVA

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) inicia nesta sexta-feira (29) a perfuração de um novo poço em Apodi, com capacidade para produzir 90 mil litros de água por hora. O novo poço deve entrar em operação em mais 30 dias, normalizando definitivamente o abastecimento de água no município. Emergencialmente, a Caern está utilizando um poço existente em uma propriedade rural de Gilberto Veríssimo e orienta a população no sentido de usar racionalmente a água, enquanto conclui a perfuração do novo poço.

O gerente da Regional de Mossoró, engenheiro José Ronaldo, informa que a Companhia vai iniciar imediatamente a perfuração do outro poço, logo após a conclusão do trabalho iniciado nesta sexta-feira, que terá a mesma vazão e ficará de reserva com o objetivo de garantir o abastecimento de água para a população de Apodi.

Há 15 dias, um dos três poços do sistema de abastecimento de água de Apodi teve rompimento do filtro e do pré-filtro, sendo necessário sua desativação. O poço desativado é responsável pelo abastecimento de 30% da população. Logo que tomou conhecimento do problema, a governadora Wilma de Faria determinou ao diretor-presidente da Caern, Walter Gasi, que encontrasse uma solução definitiva para evitar um colapso no abastecimento de água do município.

O Governo do Estado, através da Caern, está investindo mais de R$ 923 milhões em obras de Saneamento Básico, dando também especial atenção à manutenção dos sistemas já existentes, que estão sendo ampliados e modernizados.O Estado terá sua área saneada duplicada de 20% para 40% até o final de 2010. Em Natal, este índice subirá de 32% para 60%.

Vem para Apodi...


Juventude do PMDB realizara neste sábado seu 1º Encontro Regional para discuti políticas publicas

O município de Apodi sediara neste sábado o 1º Encontro Regional da Juventude do PMDB que acontecera na Câmara Municipal de Apodi a partir das 15:00h e previsão para termina as 18:00h.

O encontro será promovido pela Comissão Executiva Provisória do partido que é presidida na cidade, pelo jovem João Elias Monteiro de Souza que projeta a presença de um considerável numero de jovens e lideranças do PMDB de Apodi e cidades do Médio Oeste.

Três importantes temas vão marcar os debates durante o encontro. Políticas Públicas para a juventude, Diretrizes gerais a serem seguidas pela juventude será o caminhos para o fortalecimento da sigla na cidade. “Será um grande passo para a inserção das políticas públicas de juventude”, comentou João Elias Monteiro de Souza.

São aguardadas as presenças do O deputado estadual Walter Alves, senador Garibaldi Alves, ex-deputado Elias Fernandes, Gustavo Régio Fernandes, Professor Assis da UFRN e da Fundação Ulysses Guimarães (que ministrará palestra sobre Políticas Públicas para a Juventude), presidente da juventude do PMDB do estado do RN e de vários municípios do RN, Vereador de Natal Luiz Carlos, prefeita da Goreti Silveira Pinto, vereadores Nilson Fernandes, Junior Souza e varias outras lideranças do PMDB em Apodi e municípios circunvizinhos.

O PMDB de Apodi é forte e vem administrando o município nas ultimas quatro gestões. Pelo PMDB passaram os então prefeitos Jose Pinheiro Bezerra que conseguiu se eleger três vezes pela sigla e Evandro Marinho de Paiva que conquistou um mandato e agora o município é administrado pela prefeita Goreti Silveira Pinto que pelas cores do PMDB já foi vereadora e vice-prefeita.

“Nosso Partido é forte e tem história e chegou o momento de mostrarmos a nossa força, mostrarmos que temos uma gestão forte, séria, austera, dinâmica e, acima de tudo, comprometida com o desenvolvimento do município de Apodi”, comentou a prefeita Goreti Silveira Pinto.

A prefeita Goreti Silveira tem demonstrado disposição em promover um trabalho coeso em Apodi, para levar para as ruas a campanha com o nome do Senador Garibaldi Alves e dos deputados Henrique e Walter Alves. “Sem o apoio desses parlamentares a nossa gestão não teria como conseguir recursos junto ao governo do presidente Lula”, finaliza a prefeito que diz que sente muito honrada em pertencer ao PMDB e ter o senador Garibaldi Alves como amigo e aliado político.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Caern reduz em R$ 3 milhões




A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) vai economizar anualmente R$ 3 milhões na conta de energia elétrica. A economia será possível porque a empresa deixou de pagar juros e mora referentes ao parcelamento da dívida em atraso no valor de R$ 15 milhões que tinha com a Cosern e que foi quitado no final do ano passado. Outros fatores também contribuem para a redução de despesas da Caern. Um deles é o programa que reduz a perda de energia elétrica. No mês de janeiro foi economizado R$ 51 mil, somente com o Programa de Correção do Fator de Potência, implantado para evitar perdas de energia elétrica e contribuir para o meio ambiente.


Em linhas gerais, a Correção do Fator de Potência significa evitar que a energia disponibilizada pela Cosern à Caern seja totalmente aproveitada, sem haver perdas, que podem ocorrer no processo de distribuição. A instalação de capacitores resolve o problema e a Caern vem fazendo a instalação destes equipamentos para gerar economia.


Na primeira fase do projeto, foram instalados capacitores em equipamentos de consumo de alta tensão, como estações de bombeamento de água. Já na segunda fase do projeto, concluída recentemente, foram implantados 145 capacitores nos últimos cinco meses. Todas as regionais da Caern foram contempladas, melhorando o desempenho operacional e reduzindo os gastos com energia em unidades da Caern instaladas em cidades como Natal, Mossoró, Caicó, Pau dos Ferros e Assu.

Os capacitores são equipamentos instalados nos quadros de comando de bombas ligadas às Estações Elevatórias, responsáveis pelo bombeamento seja de água ou esgoto. Estes equipamentos também são instalados em bombas de poços e outros equipamentos. Os capacitores são fundamentais para correção do fator de energia, garantindo o funcionamento dos equipamentos.

Segundo o diretor-presidente da Caern, Walter Gasi, a Companhia deverá continuar a instalação destes capacitores, após o levantamento dos locais, aonde eles ainda são necessários. O fim do desperdício integra uma série de ações da atual gestão da Caern, que conseguiu equilibrar despesas com arrecadação e permitiu que a Companhia tenha hoje condições de investir em novas ações empresariais.


EFICIENTIZAÇÃO


A Caern vem trabalhando com o objetivo de reduzir perdas de energia elétrica dentro do seu planejamento empresarial. A Estação do Jiqui e de Lagoa Nova II funcionam com motores de alto rendimento, que evitam a perda de energia. A utilização destes equipamentos pela Caern, garantiu a concessionária de energia elétrica (Cosern), reconhecimento pela implementação com o Prêmio Nacional de Conservação e Uso Racional de Energia graças ao projeto de eficientização da Estação de Tratamento de Água do Jiqui.

JUVENTUDE DO PARTIDO DO MOVIMENTO DEMOCRÁTICO BRASILEIRO DIRETÓRIO MUNICIPAL DA JUVENTUDE DE APODI/RN





CONVITE




Prezado (a) Amigo (a):


A Comissão Executiva Provisória da JPMDB (Juventude do Partido do Movimento Democrático Brasileiro) do Município de Apodi, no uso de suas atribuições partidárias, vem honrosamente convidar Vossa Senhoria para participar do 1º Encontro Regional da JPMDB – Juventude do PMDB da Região Oeste do Estado do Rio Grande do Norte, que realizar-se-á no dia 30/01/2010 (sábado), com início às 15:00 horas e término às 18:00 horas, na Câmara Municipal de Apodi/RN, com endereço na Rua Ademar Leão da Silveira, 190 – Betel, Apodi/RN, onde, na oportunidade, será discutida a seguinte pauta:

1. Políticas públicas para juventude;
2. Diretrizes gerais a serem seguidas pela juventude;
3. Outros assuntos inerentes à juventude.


Apodi / RN, 25 de janeiro de 2010.




João Elias Monteiro de Souza
Presidente da Comissão Provisória
JPMDB de Apodi/RN

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Audiência Pública sobre o trânsito

Autoridades presentes

Momento em que um cidadão fez uma pergunta ao capitão Carvalho

População participou da audiência


Hoje pela manhã, populares e representantes de todos os setores da sociedade, lotaram o auditório da câmara municipal, para participarem da audiência pública que discutiu medidas para melhorar a segurança e a organização do trânsito de Apodi.

A audiência havia sido programa na reunião que aconteceu na semana passada, na secretaria de Educação, para a apresentação do projeto Trânsito Cidadão, criado pela secretaria de Saúde para fazer um trabalho preventivo, sob a coordenação da bioquímica Wilma Câmara.

A audiência foi coordenada pelo vereador Chico de Marinete, que representou o presidente João Evangelista, e contou com a participação do Capitão Carvalho, da polícia militar; do delegado Luís Antônio; do inspetor da Polícia Rodoviária Federal, Iatamir Gurgel e do secretário de Saúde, Ivanildo Lima, representando o poder executivo.

Muitos questionamentos foram levantados pelos populares, tais como: o que poderia ser feito em relação ao grande número de veículos com documentação atrasada, fiscalização ao excesso de passageiros nos ônibus universitários, recolhimento de animais nas BRs, uso de capacete e cinto de segurança e sinalização do trânsito.

O funcionário público Adriano Solicitou do representante da PRF medidas fiscalizadoras para evitar acidentes com a superlotação dos ônibus que transportam estudantes. “Tem dias que um veículo que deveria transportar 40 pessoas, transporta 90. Não podemos falar de segurança no trânsito, sem levar em conta problemas como esse”, disse. O inspetor garantiu tomar medidas fiscalizadoras com urgência, evitar futuros acidentes.

A questão mais discutida na audiência foi relacionada à exigência de documentação e habilitação em dia, o que segundo Gilberto Olinto, pode esvaziar a feira livre aos sábados, que já havia sido colocada por pessoas da zona rural, que alegam dificuldades financeiras para quitar a habilitação e manter os documentos em dia. “O emplacamento de motos no RN é um assalto, criticou Gilberto, alegando que o estado é um dos que cobram a taxa mais caro em todo o país.

O presidente do Sindicato dos Professores, Pedro Filho, quis saber que medidas de consenso poderiam ser adotadas pelas autoridades, para que os proprietários de veículos que estão com anos de atraso e que dependem dos mesmos para sobreviver, pudesse continuar trafegando, sem que o transporte seja apreendido.

O Capitão Carvalho fez questão de deixar claro que inicialmente, a preocupação da polícia militar é com a segurança dos condutores de veículos e passageiros, porque os índices de violência no trânsito de Apodi foi uma das coisas que mais lhe chamou a atenção quando chegou ao município. “Conseguimos reduzir esses índices com as medidas preventivas adotadas. Há dois finais de semana que não registramos acidentes com motos. Nos últimos casos acontecidos, quem estava usando capacete, não teve ferimentos na cabeça, ao contrário do caso em que o motoqueiro não estava”, observou.

O secretário de Saúde enfatizou a preocupação da sua secretaria com a redução das estatísticas de vítimas de acidentes de trânsito. “teremos três linhas de ação: a vigilância, na qual faremos um mapeamento das áreas de maior incidência de acidentes; a prevenção, através de ações educativas nas escolas; e promoção, na qual faremos parcerias com os veículos de comunicação e discussões como esta, com a sociedade”, frisou Ivanildo, adiantando que no próximo final de semana será realizada uma Blitz educativa nas principais vias de acesso à cidade.

PMDB realiza encontro regional em Apodi




MÉDIO OESTE – O Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) realiza neste sábado, durante toda à tarde, na Câmara Municipal de Apodi o I Encontro da juventude do PMDB do Médio Oeste.


O encontro reunira Apodi lideranças, militantes de Apodi, Felipe Guerra, Itaú, Rodolfo Fernandes, Severiano melo, Caraúbas e varias outras cidades de outras regiões do Rio Grande do Norte. De acordo com o presidente do PMDB Jovem de Apodi, João Elias de Souza, o encontro visa fortalecer o partido para as eleições 2010. Já é dada como certa a presença do senador Garibaldi Alves, deputado estadual, Walter Alves, prefeita, Goreti Silveira Pinto, vereadores, Nilson Fernandes, Junior Souza, prefeito de Felipe Guerra, Braz Costa e outras lideranças do PMDB em nível local e regional.


O PMDB de Apodi é forte e vem administrando o município nas ultimas quatro gestões. Pelo PMDB passaram os então prefeitos Jose Pinheiro Bezerra que conseguiu se eleger três vezes pela sigla e Evandro Marinho de Paiva que conquistou um mandato e agora o município é administrado pela prefeita Goreti Silveira Pinto que pelas cores do PMDB já foi vereadora e vice-prefeita.


“Nosso Partido é forte e tem história e chegou o momento de mostrarmos a nossa força, mostrarmos que temos uma gestão forte, séria, austera, dinâmica e, acima de tudo, comprometida com o desenvolvimento do município de Apodi”, comentou a prefeita Goreti Silveira Pinto.A prefeita Goreti Silveira tem demonstrado disposição em promover um trabalho coeso em Apodi, para levar para as ruas a campanha com o nome do Senador Garibaldi Alves e dos deputados Henrique e Walter Alves.


“Sem o apoio desses parlamentares a nossa gestão não teria como conseguir recursos junto ao governo do presidente Lula”, finaliza a prefeito que diz que sente muito honrada em pertencer ao PMDB e ter o senador Garibaldi Alves como amigo e aliado político.

ABASTECIMENTO

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) vai recuperar oito reservatórios de água em diferentes cidades do Rio Grande do Norte. Além disso, dois reservatórios antigos que não estavam mais sendo utilizados serão demolidos.
O reservatório da cidade de São Tomé já foi demolido e o de Portalegre já recebeu visita da empresa J.E. Construtora LTDA, que venceu a licitação para a demolição. Será feito o isolamento da área para que a demolição ocorra na próxima semana resguardada a segurança das casas próximas ao reservatório.
O trabalho é fiscalizado pela Gerência de Desenvolvimento Operacional (GDO) da Caern, que cuida da área de equipamentos e distribuição operacional da água. O objetivo do trabalho é preservar a estrutura física dos reservatórios garantindo a distribuição contínua de água a seus clientes, em todas as cidades. Serão investidos cerca de R$ 400 mil neste trabalho.
Foram concluídos o laudo técnico para avaliação e diagnóstico de cada uma das estruturas de abastecimento nas cidades de Parnamirim, João Câmara, Parazinho, Pedra Grande, Ielmo Marinho, Caiçara e São Bento do Norte (um reservatório para as duas cidades) e Serrinha dos Pintos. Faltam ser entregues os relatórios das cidades de Rui Barbosa e Sítio Novo, que também serão contemplados com a recuperação de reservatórios.
Os serviços vão desde a limpeza, troca de ferros de sustentação, se necessário, e concretagem. Em João Câmara, está o reservatório com a maior capacidade de armazenamento tendo um total de 3,2 milhões de litros de água. Parnamirim tem o segundo maior reservatório para recuperação que tem capacidade para 500 mil litros. As demais cidades beneficiadas são Caiçara e São Bento do Norte (100 mil litros), Serrinha dos Pintos (200 mil litros), Ielmo Marinho (150 mil), Pedra Grande (50 mil), Parazinho (50 mil) e Sítio Novo (50 mil).
RECONHECIMENTOCaern é eleita a melhor Empresa Estadual de Saneamento de 2009 A Saneamento Ambiental, umas das mais importantes revistas de saneamento do país, trouxe em sua mais nova edição, de nº 145, um ranking com as melhores empresas brasileiras de saneamento básico. Na categoria Empresa de Saneamento Estadual 2009, a vencedora foi a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern). A edição traz uma matéria especial sobre os investimentos em saneamento básico e uma entrevista com o diretor-presidente da Caern, Walter Gasi.São cinco páginas contando a história recente da Caern. Na entrevista com Walter Gasi é destacado que o Rio Grande do Norte terá em 2012 uma cobertura de 72% de esgotos. Com investimentos de R$ 923 milhões em esgotamento sanitário e abastecimento de água, a Caern tem se destacado no setor.
São citadas também obras de importância significativa como a Estação de Tratamento de Esgotos do Baldo, que usará tecnologia de desinfecção de esgotos com raios ultravioletas. Além da Estação de Tratamentos de Esgotos Jundiaí e o Emissário Submarino da Barreira do Inferno.
A revista destaca ainda que a Caern conseguiu equilibrar as finanças e inicia 2010 totalmente equilibrada, em relação à arrecadação e despesa. Renegociação com fornecedores, combate às ligações clandestinas e fraudes, cadastro comercial e Desenvolvimento Institucional, renegociação da dívida com energia elétrica foram fundamentais para reerguer as finanças da empresa.
Também são destacados os investimentos na cidade de Mossoró, com o funcionamento do poço P-27, já perfurado em terreno da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa). Além de outras medidas importantes, como a substituição de 220 quilômetros de rede de distribuição e ampliação de 76 quilômetros dessa rede, que resultará na redução de vazamentos. A questão do abastecimento de Mossoró será resolvida quando for construída a adutora de Mossoró, que captará água da Barragem de Santa Cruz na cidade de Apodi.
ELEIÇÃOEm novembro de 2009, a Caern foi indicada pela revista Saneamento Ambiental, entre as três companhias estaduais que mais se destacaram na área de saneamento ambiental em todo o Brasil. Edição impressa, pioneira no mercado editorial brasileiro, nas áreas de Saneamento Ambiental e Meio Ambiente, a revista Saneamento Ambiental escolhe anualmente, através de votação dos leitores, as empresas que mais se desatacaram na área de saneamento ambiental. A Caern foi eleita com Para selecionar as empresas que mais se destacaram em 2009, a revista considerou os investimentos na ampliação dos serviços de água e esgotos, a extensão do índice de cobertura do atendimento no abastecimento de água, coleta e tratamento de esgotos, além da redução dos níveis de desperdício, conservação de mananciais, modernização do serviço e política ambiental.
APRENDIZADO Palestras de educação ambiental chegam aos bairros Nordeste, Felipe Camarão e Guarapes Os moradores dos bairros Nordeste, Felipe Camarão e Guarapes recebem esta semana equipe de educação ambiental que irá promover palestras sobre esgotamento sanitário. O trabalho da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte realizado pela equipe contratada da Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN (Funcern) está sendo desenvolvido na zona oeste de Natal. Nesta quarta-feira (27), a palestra será realizada às 19h, no Conselho Comunitário do bairro Nordeste, que fica no Conjunto Boa Vista, próximo ao terminal da empresa Guanabara.
Os palestrantes, o consultor da Funcern Wagner Alves e a gestora ambiental Maria Jin-Leine, irão falar aos moradores sobre os cuidados que a população deve ter com o sistema de esgoto. Já na quinta-feira (28), as explicações serão repassadas aos moradores de Felipe Camarão. A palestra acontece às 19h, no Conselho Comunitário do bairro, que se localiza na Rua da Tamarineira, s/n, próximo à Maternidade. Na sexta-feira (29), no mesmo endereço, será uma palestra às 8h e outra às 13h, com o mobilizador social, Bruno Ferreira, que irá explicar a alunos das escolas locais, os cuidados com o esgoto condominial. Em Guarapes, os usuários da Unidade de Saúde vão poder se informar sobre esgotamento sanitário na reunião que acontece na sexta-feira (29), na Igreja Presbiteriana do bairro, localizada na Rua Bela Vista.
A palestra começa a partir das 8h. As palestras fazem parte do Projeto de Trabalho Técnico Social (PTTS), que teve seu lançamento oficial na última terça-feira. Esse projeto tem o objetivo de informar e mobilizar a população beneficiada com o novo Sistema de Esgotamento Sanitário, que esta sendo implantado na Zona Oeste de Natal. As obras visam atender uma população de 113.760 mil habitantes, distribuída em seis bairros.

Prefeitura de Apodi realizará Conferência Municipal da Cidade


A Prefeitura de Apodi via Secretaria de Urbanismo e Transportes, realizará nesta quinta-feira dia 28, a 4ª Conferência Municipal da Cidade de Apodi, onde elegerá delegados para a 4ª Conferência Estadual das Cidades do Rio Grande do Norte que acontecera em Natal.

De acordo com a Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura do Apodi, o evento se destina a congregar entidades representativas de vários segmentos da sociedade para tratar de temas preconizados para a conferência em âmbito nacional.

A 4ª Conferência Municipal da Cidade de Apodi deverá contar com delegados representando os vários segmentos, Gestores, administradores públicos e legislativos, movimentos sociais populares, trabalhadores, por suas entidades sindicais, empresários relacionados à produção e ao financiamento do desenvolvimento urbano, entidades profissionais, acadêmicas e de pesquisa e conselhos profissionais e ONGs com atuação na área. As vagas para delegados (as) do poder público serão preenchidas por indicação do Poder Executivo e da Câmara Municipal.
A Conferência Municipal da Cidade de Apodi/RN desenvolverá os seus trabalhos a partir do lema e do tema nacional, quais sejam respectivamente: “Cidades para Todos e Todas com Gestão Democrática Participativa e Controle Social” e Avanços, Dificuldades e Desafios na Implementação da Política de Desenvolvimento Urbano”.

A 4ª Conferência Municipal da Cidade de Apodi será presidida pelo titular da Secretaria Municipal de Urbanismo e Transportes, Elton Ferreira de Souza, a constituição e instalação da Comissão Preparatória, terá as atribuições de Definir Regimento Municipal contendo os critérios de participação para a Conferência e para a eleição de delegados à etapa estadual, respeitadas as definições do Regimento da 4ª Conferência Nacional das Cidades e do Regimento da 4ª Conferência Estadual das Cidades do Rio Grande do Norte, bem como a proporcionalidade de distribuição dos segmentos participantes, conforme artigo 17 da Resolução Normativa Nº 10, de 30/06/2009, do Conselho das Cidades.

Durante a realização do evento a Comissão Preparatória aprovará o Regimento da 4ª Conferência Municipal da Cidade de Apodi, sendo, entretanto esse Regimento colocado sobre apreciação e votação dos delegados no início da Conferência.

O decreto 5.790/06, que dispõe sobre a composição, estruturação, competências e funcionamento do Conselho das Cidades, o ConCidades, afirma que o órgão colegiado de natureza deliberativa e consultiva, integrante da estrutura do Ministério das Cidades, tem por finalidade estudar e propor as diretrizes para a formulação e implementação da Política Nacional de Desenvolvimento Urbano, bem como acompanhar e avaliar a sua execução conforme dispõe o Estatuto da Cidade.

De acordo ainda com a lei, o ConCidades é responsável por propor as diretrizes gerais para a formulação e implementação da Política Nacional de Desenvolvimento Urbano, em consonância com resoluções aprovadas pela Conferência Nacional das Cidades

Apodi realizará o maior carnaval do Médio e Alto Oeste



O carnaval de Apodi no Médio Oeste promete mais uma vez ser uma dos maiores do interior do Rio Grande do Norte. Organizado pela Prefeitura do Apodi via Secretaria de Turismo, a festa será animado por nove bandas que animara os foliões no corredor da folia.


A prefeita da cidade, professora, Goreti da Silveira Pinto (PMDB), implantou uma estrutura considerada por ele simples, mas que contou com 20 camarotes, banheiros químicos, uma praça de alimentação e caprichou em um item de extrema importância que é a segurança.


O carnaval há muito já se transformou numa das maiores festas populares do Brasil e em Apodi a festa já é tradição sendo considerado um dos mais animados e importantes do Médio e Alto Oeste. “Organizado e participativo o nosso carnaval já é tradição e se firmou de vez como uma grande festa do povo”, comentou a prefeita Goreti Silveira Pinto.


O carnaval de Apodi contara com varias atrações musicais como Garota Safada Elétrico, Inala, Bakulejo, Remelexo Elétrico, Arretado, Municipal Santos, Metal Elétrico, Bonde de Maluco, Maluketo, Zuada Boa, e os arrastões com o trio elétrico pelas principais ruas da cidade e corredor da Folia. Além de som, palco, luz e camarotes.


A prefeita Goreti Silveira Pinto através de sua equipe administrativa, também já garantiu todo um aparato de segurança e infra-estrutura necessário para que o folião possa gozar de bem-estar e comodidade durante os 5 dias e noites de festa.


A segurança será feita pela 3ª Companhia de Policia Militar, comandada pelo capitão, Marcos Carvalho Honorato, que contara com 150 policias, Delegacia Regional de Policia Civil, que tem o bacharel, Luis Antonio que também recebera reforço em seu policiamento através da Operação Oeste, Guarda Municipal de Apodi e mais 100 homens contratados que aturarão nos estacionamentos e em pontos estratégicos da grande festa, Juizado da Infância e Adolescência e o Conselho Tutelar também vão atuar.


O carnaval de Apodi também é sinônimo de faturamento para vários segmentos comerciais da cidade. Postos de combustíveis, restaurantes, lanchonetes, lojas de roupas, hotéis, pousadas e vários outros setores aquecem suas vendas nesse período. Na cidade varias pessoas estão disponibilizando casas para alugar que podem ser encontradas pelo fone (84) 9919 – 0383.


A festa de momo apodiense a cada ano tem crescido e atraído foliões de outras cidades e regiões como do Vale do Jaguaribe no Ceara e Alto Sertão na Paraíba. A expectativa entre os organizadores do Carnaval de Apodi é que durante o período carnavalesco a cidade receba uma média de 25 mil pessoas todas as noites, durante os cinco dias de festa, o que vai garantir ao município uma população flutuante de foliões em torno de 100 mil pessoas.
Toda a estrutura assegurada pelos organizadores com o apoio da prefeitura municipal, já está sendo preparada. Ao todo, serão nove bandas que vão garantir aos foliões muita alegria com a presença de trios elétricos. Além disso, os foliões contarão com som, gerador, palco, banheiros, mídia e decorações, além das bandas que já estavam contratadas. A estrutura do evento vai contar com 33 camarotes com capacidade para até 20 pessoas. Os organizadores já confirmaram que todos os camarotes já foram comercializados.


Nomes de destaque no cenário político estadual como a governadora Wilma de Faria, senadores Jose Agripino, Garibaldi Alves, presidente da Assembléia legislativa, Robson Farias, deputados Walter Alves, Wober Junior, Gustavo Carvalho, João Maia, Henrique Alves, são presenças confirmadas no tradicional carnaval de Apodi.


Durante os dias de folia o carnaval de Apodi passa a gerar muitas oportunidades de emprego e renda com a criação de centenas de empregos temporários, que começam com a contratação de 100 seguranças particulares, barraqueiros, vendedores ambulantes, churrasqueiros, sorveterias, bares e restaurantes, hotéis, que ficam lotados. Além disso, muitas casas são alugadas por particulares gerando renda extra para os seus proprietários.
A Prefeitura do Apodi via Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social realizara o “Carnaval da Terceira Idade” para cerca de 500 jovens da terceira idade.


SAÚDE – A secretaria de Saúde de Apodi vai disponibilizar uma ambulância com equipe de Agentes de Saúde, enfermeiros de plantão no corredor de Folia que fará trabalho de orientação aos foliões sobre doenças sexualmente transmissíveis e a gripe H1N1 com distribuição de panfletos e preservativos.

Educação: um direito de todos


Campanha da LBV vai entregar mais de 12 mil kits de material escolar.
A educação no Brasil tem apresentado significativa melhora ao longo dos últimos anos; no entanto, é consensual o fato de que muito precisa avançar para o país atingir a condição de pátria efetivamente liberta dos grilhões do analfabetismo, que aprisiona milhares de brasileiros à margem da cidadania.


Mais preocupante ainda é a constatação de que 680 mil meninas e meninos de 7 a 14 anos se encontram fora do ambiente escolar, conforme aponta relatório divulgado, em julho de 2009, pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). Sabe-se que, mesmo dentro das salas de aula, o aluno pode estar privado do direito à educação, pois o aprendizado não se resume a esse acesso, mas, sobretudo, às condições mínimas das quais o educando necessita para sentir-se motivado a concluir os estudos.


Aliando-se a todos quantos desejam uma sociedade igualitária e sem violência, a Legião da Boa Vontade dá início, neste mês, à tradicional campanha Criança Nota 10 — Sem Educação não há Futuro!, que vai entregar mais de 12 mil kits de material escolar a alunos das escolas de educação básica da Instituição e a participantes do programa LBV — Criança: Futuro no Presente!, desenvolvido em seus Centros Comunitários e Educacionais, que estão localizados em dezenas de cidades brasileiras.


Essa iniciativa contribui para a redução dos índices de abandono escolar e para a melhoria da qualidade de vida e da autoestima de crianças e adolescentes, bem como beneficia economicamente os pais desprovidos de recursos para a compra dos artigos escolares. Os kits são adequados a cada modalidade de ensino e compostos de vários itens, como mochila, estojo, lápis preto nº 2, caixa de lápis de cor com 12 unidades, canetas esferográficas azul e preta, estojo com dois marca-textos, apontador com depósito, borracha, tesoura sem ponta, tubos de cola, cadernos de desenho e universitários, papel sulfite, papel almaço, régua e jogo pedagógico.


A campanha Criança Nota 10 — Sem Educação não há Futuro! é uma das muitas ações socioeducacionais da Legião da Boa Vontade, que, ao longo de seus 60 anos (completos em 1º de janeiro), conta com o imprescindível apoio da população no cumprimento dos objetivos norteadores de sua finalidade: trabalhar incessantemente na construção de um Brasil melhor e de uma Humanidade mais feliz. As doações podem ser feitas nas unidades de atendimento da Instituição em Natal/RN, na Rua Dos Caicós, 2148 – Dix-Sept Rosado, ou pelos sites www.lbv.org.br e www.euajudoamudar.org. O telefone para contato ou outras informações é (84) 3613-1655. A LBV também está no Twitter (www.twitter.com/lbvbrasil).

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Edital para concurso da UERN pode sair ainda esta semana; 239 vagas

A Pró-reitoria de Recursos Humanos da Universidade do Estado do Rio Grande (UERN) aguarda e espera que esta semana a empresa Cespe envie a minuta do edital do concurso público para técnico administrativo que será realizado pela referida universidade. Conforme Joana D'arc Lacerda, Pró-reitora de Recursos Humanos da Uern, a Cespe encaminhou na quinta-feira passada um comunicado informando que estava nos últimos detalhes da minuta, fazendo revisão.


"Acreditamos que ainda nesta semana a empresa deve enviar através de Sedex a minuta e a cópia do contrato para assinar", comentou a pró-reitora. Segundo Joana D'arc, após a entrega da minuta, a Uern irá verificar para saber se está conforme solicitado. "Caso esteja em conformidade, que é o que esperamos que ocorra, encaminharemos a minuta para publicação no Diário Oficial. E só submetermos ao Conselho Diretor caso haja mudanças", explicou.


A expectativa da Uern é de que o edital do concurso seja lançado ainda este mês, ou no início de fevereiro. E por lei, o processo de divulgação do edital deve durar 30 dias. Segundo a pró-reitora, as datas para realização das inscrições, das provas e todos os prazos relativos ao concurso estarão contidas no edital.


Joana D'arc conta que a empresa contratada para realização do concurso fica responsável por todo o processo. "A Cespe é responsável pelos locais de provas, fiscais, disponibilidade de locais para inscrição, quase todo o processo. Nossa obrigação é realizar as perícias médicas para candidatos que aleguem deficiências, a isenção da taxa de inscrição para os doadores de sangue, além da homologação do resultado do concurso enviado pela empresa e publicação", informou a pró-reitora.


Neste concurso público serão disponibilizadas 239 vagas para técnicos administrativos. E em seguida, haverá concurso para técnicos mais especializados.

Fiart é aberta oficialmente pelo vice-governador






A 15ª Feira Internacional de Artesanato (Fiart) foi aberta oficialmente nesta segunda feira (25) pelo vice-governador Iberê Ferreira de Souza. O evento está sendo realizado no Centro de Convenções de Natal até o dia 31 de janeiro e tem o apoio do Governo do Estado.


“Esse evento valoriza e divulga o nosso artesanato, mostrando a qualidade dos produtos produzidos aqui no Rio Grande do Norte”, disse Iberê. Este ano, o Governo do Estado está investindo R$ 30 mil reais destinados à publicidade e estrutura do evento.
Vista como uma das maiores feiras de artesanato do Brasil, a Fiart conta com 355 estandes, que abrigam as produções de 1.300 artesãos de 18 países. No estande do Governo do Estado, um espaço de 300 metros quadrados abriga as produções de 77 artesãos de associações e cooperativas inscritas no Programa de Artesanato Potiguar (Proart).


Há 60 anos trabalhando como rendeira, dona Maria Helena Correia diz que iniciativas como essas são importantes para enaltecer a cultura potiguar. “As pessoas ficam impressionadas com o nosso trabalho, querem tirar foto da gente fazendo a renda e acabam levando o nosso produto para todos os lugares do mundo”, conta a artesã, que representa a associação Arte da Vila, do bairro de Ponta Negra.


Para Neiwaldo Guedes, coordenador da Fiart, a parceria, renovada a cada edição da feira, com o Governo do Estado, Sebrae/RN e prefeituras tem contribuído para o sucesso do evento e a comercialização em grande escala do produto artesanal potiguar. “Na última edição, a feira movimentou R$ 5 milhões com a venda de produtos, proporcionando mais renda para milhares de pessoas e estimulando a cadeia produtiva do segmento artesanal”, disse.


Além do vice-governador, estiveram presentes a prefeita Micarla de Sousa, o senador Garibaldi Alves, além do presidente da Fecomércio, Marcelo Queiroz, do diretor do SEBRAE, João Hélio, e dos secretários de Assistência Social do Estado e do Município, Gercino Saraiva e Rosy de Sousa.


Homenagem


O vice-governador Iberê Ferreira de Souza foi homenageado no evento pelos índios Tapajós. Ele recebeu um colar feito com sementes vermelhas, que segundo a tribo, leva sorte para quem usa. “Eles disseram que é para dar sorte, então eu vou usá-lo sempre”, brincou Iberê. Cinco tribos de diversos estados brasileiros expõem o artesanato indígena na feira.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Servidores são prejudicados pela falta de repasse de contribuições ao INSS


Vários servidores públicos efetivos e cargos comissionados da Prefeitura Municipal de Apodi estão alegando que o município deixou de efetuar o repasse de suas contribuições previdenciárias ao Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) recolhidos pela municipalidade direto no contra-cheque dos funcionários.

De acordo com a Secretaria Municipal de Administração e Planejamento, já são varias as reclamações de servidores que estão se sentindo prejudicados com o problema que em alguns casos já esta dando ate demanda judicial.

Apesar de o problema existir nada de números oficiais ainda foi levantado pelas Secretarias Municipal de Finanças e de Administração e Planejamento, respectivamente, que ainda não sabe por quanto tempo o repasse deixou de ser feito ou quem realmente esta prejudicado. No código penal, a prática tem o nome de apropriação indébita é prevê pena de dois a cinco anos de detenção. “Diante das varias reclamações já estamos tomando providencias junto ao INSS para ver o que aconteceu, mas podem ter certeza faremos de tudo para os servidores não tenham prejuízos com esse problema”, comentou Genilson Gurgel.

A ausência dos repasses atinge varias administrações municipais passadas e somente agora é que esta sendo percebido porque alguns servidores tem precisado acionar os serviços da Previdência Social e quando é feito algum pedido é constatado a falta das contribuições.

A Prefeitura de Apodi no Médio Oeste conta com mais de 1.000 servidores, inclusive desse total segundo informou a Secretaria de Administração e Planejamento cerca de 200 desejam ser aposentar, mas devido o problema detectado, os funcionários estão aguardando que o grave problema seja resolvido. Com a aposentadoria desses servidores o município ficaria obrigado a realizar um Concurso Público para suprir as reais necessidades da esfera administrativa apodiense e assim oferecer oportunidades de emprego para novos profissionais. “Quando assumi a secretaria de Administração e Planejamento uma das minhas maiores prioridades foi fazer valer os direitos dos servidores e na administração da prefeita Goreti Silveira Pinto os servidores já conquistaram vários espaços”, garantiu a Assessoria de Comunicação da Prefeitura.

O gerente executivo da Agencia do INSS em Apodi, Francisco Antonio de Souza, disse que em virtude do advento da Lei n° 11.457, de 16 de março de 2007, a qual criou a Secretaria da Receita Federal do Brasil/Ministério da Fazenda, as atribuições de arrecadar e fiscalizar as contribuições previdenciárias foram transferidos para a Receita Federal e que a Agencia do INSS de Apodi não pode fazer nem um tipo de fiscalização, mas os servidores podem procurar o INSS para verificar os extratos de contribuições previdenciárias, caso se constatando que ocorreu falta de repasse por parte do órgão empregador os servidores podem formular denuncia junto a Receita Federal ou ate mesmo acionar a justiça.

Conforme apurou a reportagem qualquer servidor que se sentir prejudicado pode acionar seus direitos através da Ouvidoria da Receita Federal que pode ser acionada através do E-mail ouvidormf@fazenda.gov.br ou ainda pelo endereço da Ouvidoria do Ministério da Fazenda - SAS Quadra 6, Bloco O, 7° andar, Brasília/DF, CEP 70070-917 e pelo fone: 0800 702 1111. A contribuição regular com o INSS garante aos trabalhadores o recebimento de benefícios como a aposentadoria, auxílios doença e maternidade.

Alguns servidores já encaminharam denuncias ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), Tribunal de Contas da União, Ministério Publico Estadual e Federal para impedir a aprovação das contas dos ex-prefeitos que não efetuaram os repasses das contribuições dos funcionários para que adotem providencias.

Segundo especialista em Direito Administrativo, se constatado a falta de repasse das contribuições dos servidores os responsáveis pela apropriação podem ser julgados na Justiça comum, mas para isso, o sindicato dos servidores precisa entrar com uma ação na Justiça da Comarca de Apodi porque a atitude caracteriza crime.

Apesar de esta a pouco mais de um ano a frente da administração municipal apodiense, a prefeita da cidade, professora, Goreti Silveira Pinto (PMDB), pode ter a sua administração prejudicada pelos desmandos administrativos do passado.

Se as reclamações dos servidores forem constadas através do levantamento que esta sendo feito junto a Previdência Social e a Receita Federal, a Prefeitura de Apodi pode ficar por algum tempo sem poder receber verbas federais e ser inclusa no cadastro negro do Governo Federal que é destinado a municípios que não cumprem com sua responsabilidade administrativa.

domingo, 24 de janeiro de 2010

sábado, 23 de janeiro de 2010

Prefeito do PMDB declara apoio a Wilma

O prefeito de Alto do Rodeigues, Eider Medeiros, declarou ontem que votará e apoiará a governadora Wilma de Faria para o Senado. Eider foi um dos 60 prefeitos de vários partidos que prestigiaram o lançamento do programa "Campo Mais Forte", dos governos estadual e federal.

Ministério oferece 200 mil vagas em cursos a distância para profissionais de segurança

O Ministério da Justiça oferece 200 mil vagas em 57 cursos gratuitos a distância para policiais civis, militares, peritos, bombeiros, agentes penitenciários e guardas municipais de todo o país. A expectativa é que as vagas sejam preenchidas antes do término do prazo de inscrições, que vai do dia 26 ao dia 30 de janeiro.

A iniciativa é coordenada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e integra o Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci).

Serão oferecidos seis novos cursos, entre eles o de papiloscopia, identificação veicular, fiscalização de excesso de peso, mediação de conflitos e cartéis. Os cursos de 40 horas ocorrerão entre os dias 25 de fevereiro e 31 de março. Os de 60 horas vão até 14 de abril.

Os profissionais que desejam participar dos cursos e que recebem até R$ 1,7 mil poderão, ainda, receber benefício de R$ 400, por meio do projeto Bolsa Formação, também do Pronasci.

Mesmo a distância, os alunos contam com a ajuda de tutores dentro das salas de aula para tirar dúvidas, estipular tarefas e avaliar os trabalhos produzidos. Além do material de apoio, eles também contarão com vídeos e debates que podem ser acessados a qualquer momento.
Para fiscalizar a participação efetiva do profissional durante o curso, alguns alunos que recebem o Bolsa Formação serão sorteados aleatoriamente para fazerem provas presenciais.

Para dar suporte aos profissionais que não têm acesso à internet, o Ministério da Justiça colocará à disposição 270 telecentros em todo o país com computadores e equipamentos de áudio e vídeo.

BB passa a oferecer financiamento estudantil pelo Fies


Os estudantes interessados em recorrer ao Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) para pagar a faculdade podem agora aderir ao programa por meio do Banco do Brasil (BB). Este ano o banco começará a operar os recursos do fundo estudantil, informou hoje o BB. Antes, a Caixa Econômica Federal era operadora exclusiva.

No financiamento estudantil do governo federal, a taxa de juros é limitada a 3,5% ao ano e o valor financiável pode chegar a 100%, conforme mudanças publicadas no Diário Oficial da União da sexta-feira passada. De acordo com o Banco do Brasil, o prazo do financiamento pode chegar a três vezes o período do curso. As amortizações começam após 18 meses de conclusão da graduação. Para o contrato, o aluno terá de apresentar fiador ou autorizar consignação em folha de pagamento. Inicialmente, preencherá cadastro no portal de internet do Ministério da Educação (www.mec.gov.br) e depois procurará uma agência para entregar a sua documentação, do fiador e assinar o contrato.

O Fies faz parte do Programa Universidade para Todos (ProUni) e a classificação dos candidatos é feita pelo Ministério da Educação (MEC), baseada em critérios socioeconômicos e desempenho acadêmico. A instituição de ensino escolhida precisa estar entre as 1,5 mil cadastradas no MEC. O Fies foi criado em 1999 e já beneficiou mais de 500 mil estudantes.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Semarh realizará estudo para construir canal do Sal



A Secretaria de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), em parceria com o Banco Mundial, já deu início ao processo que culminará na realização do estudo para construção do Canal de derivação de águas excedentes do rio Apodi/Mossoró, o chamado Canal do Sal. A manifestação de interesse para as empresas interessadas em participar do projeto foi publicada no Diário Oficial do Estado no último dia 18 deste mês. O vice-governador e secretário de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Iberê Ferreira de Souza, informou que os serviços realizados neste primeiro momento incluem o diagnóstico e análise de alternativas, projeto básico e análise ambiental. “Esse projeto é de suma importância porque vai beneficiar diretamente a indústria salineira e a carcinicultura da Região”, disse Iberê.

A construção do Canal do Sal é uma reivindicação antiga dos produtores de sal e tem como uma das prioridades evitar o prejuízo na produção em época de chuvas. “Esperamos que esta obra, quando concretizada, sirva para impulsionar a economia do setor salineiro que nos é tão importante, haja vista que corresponde hoje a mais de 93% da produção de sal marinho do país”, enfatizou o vice-governador.

Audiência Pública sobre o TRÂNSITO


Apodi - Já está marcada para a próxima quarta-feira, dia 27, uma audiência pública sobre o trânsito de Apodi, que acontecerá as 9:00hs no auditório da Câmara de Vereadores.


Na ocasião estarão presentes várias autoridades do nosso município, além do capitão Carvalho, Inspetor Gibson da PRF, capitão Gomes de Mossoró, o Dr. Luiz Antônio, entre outros.


Toda a população está convidada para participar desta audiência, que será um marco na História do trânsito de Apodi.


OBS: Informamos ainda que a audiência pública será transmitida via rádio para toda região de Apodi, através das emissoras locais.
Postado por 3ª Companhia de Polícia Militar -Apodi/RN

Secretaria Municipal de Saúde: Projeto Trânsito Cidadão

Vereador Chico de Marinete e o Dr. Luiz Antônio


Representantes de várias entidades estiveram presentes

Medidas serão tomadas


capitão Carvalho



Reunião

Apodi - Aconteceu agora pela manhã, uma reunião no auditório da secretária municipal de educação, onde na oportunidade foram discutidas ações sobre o PROJETO TRÂNSITO CIDADÃO, de maneira intersetorial e resolutiva.

Estiveram presentes na reunião a coordenadora do projeto Trânsito cidadão, Wilma Karla, o capitão Carvalho, Dr. Luiz Antônio, o inspetor da Polícia Rodoviária Federal Carlos Kleber, representantes das auto-escolas, representando a câmara de vereadores esteve presente Chico de Marinete, conselho tutelar e representantes do poder público municipal.

A reunião tratou sobre as melhorias para o trânsito, bem como as medidas que deverão ser tomadas para melhorar e sinalização da nossa cidade, em breve será marcada (data a ser definida) uma audiência pública com toda a população, bem como campanhas educativas que deverão ser realizadas em Apodi.
Postado por 3ª Companhia de Polícia Militar -Apodi/RN

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

“Dibson Nasser” Primeira eleição, mas muita experiência com a política



Nas eleições 2010, muitos nomes deverão aparecer. Dibson Nasser, filho do presidente da Câmara Municipal de Natal é um deles. Com 35 anos, Dibson sempre acompanhou de perto o trabalho do pai, vereador de Natal há mais de 20 anos. “Meu pai sempre envolveu toda a família no trabalho que realizava nas comunidades. E eu cresci assim, aprendendo a fazer política com ele. Agora, pretendo ampliar o trabalho que ele vem desenvolvendo nesses 20 anos de carreira política”, afirma Dibson Nasser, que concorrerá ao cargo de deputado estadual pelo PSDB.

Dibson Nasser mostra conhecer bem a realidade política do estado e às necessidades da população. Despontando como uma forte liderança do PSDB, Dibson é formado em Sistema de Informação e defende as bandeiras da Educação e da Democratização Digital. “Um político tem que estar pronto para enfrentar vários desafios, seja na área que for. Mas minha experiência me leva a trabalhar com a inclusão digital, que está muito associada a uma política voltada para educação, extremamente importante para o futuro dos jovens.”, afirma o analista de sistema.
O projeto político de Dibson Nasser é trabalhar para baixar o número de excluídos da Era da Internet, apresentando projetos em prol da inclusão digital, acesso à informática e a conhecimentos básicos do universo digital.

Dibson também tem o compromisso na defesa da valorização e universalização da educação pública, gratuita e democrática e de boa qualidade, em todos os níveis. Para isso, o jovem deverá apresentar projetos políticos que deverá servir como alicerce para manutenção da rede estadual de Ensino, que hoje é responsável pela maior parcela de crianças e jovens do estado.


Candidato a deputado estadual em 2010, Dibson está à frente de um grande grupo de lideranças comunitárias de Natal, que há anos vem contribuindo para trabalho do seu pai na Câmara Municipal.

Lideranças que simpatizam o projeto político do jovem Dibson Nasser podem manter contato com o assessor Daniel Melo pelo (84) 9178-2916.

Caern consegue solução emergencial para abastecimento de Apodi







Antes do carnaval, a população de Apodi terá o abastecimento de água regularizado. A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) em reunião com a prefeitura de Apodi encontrou a solução para que o abastecimento da cidade volte a normalidade em 15 dias. o poço perfurado em fazenda particular será ativado e garantirá água suficiente para toda a cidade.
A propriedade onde se situa o poço é de propriedade de Gilberto Veríssimo Torres, que autorizou o uso da água, já com a adutora de Apodi. O poço da fazenda fica bem próximo dos outros poços de captação da Caern. Os trabalhos no local foram iniciados nessa quarta-feira (20). Está sendo feita a limpeza do local e será instalada a energia elétrica e equipamentos para que ocorra a interligação da Caern. “Vamos suprir a deficiência do sistema”, afirma o diretor-técnico, Clóvis Veloso. Ele lembra que o poço está na mesma área da formação Arenito-Açu, que possui água de excelente qualidade.

Na reunião, ocorrida na prefeitura de Apodi na terça-feira (19), estiveram presentes, além do diretor-técnico da Caern, o gerente regional de Mossoró, José Ronaldo e os secretários municipais de Apodi responsáveis pelas pastas de Obras, Urbanismo, Agricultura e Gabinete Civil, Nilson Fernandes, Elton Souza, Eron Costa e Tibúrcio Marinho, respectivamente.

A prefeitura se colocou à disposição da Caern como parceira para agilizar a reativação do poço e vai ceder trator para a limpeza do terreno. Por enquanto, lembra Clóvis Veloso, é importante que a população continue economizando água e evitando o desperdício.

No final de semana passado, um dos três poços da Caern que abastece a cidade de Apodi, apresentou problema técnico que não permite reparo. A solução encontrada foi a perfuração de um novo poço. A Caern deslocou mão de obra e equipamentos para começar imediatamente o trabalho, mas a perfuração precisa ser feita em um tempo estimado de 60 dias. A cessão do poço existente na fazenda foi a melhor opção encontrada para retomar o abastecimento normal o mais rápido, sem contar que é importante a retomada o mais rápido, porque na época do carnaval a população de Apodi aumenta consideravelmente. Um novo poço reserva também será perfurado em terreno cedido pela prefeitura.

Francisco Martins destaca importância da CONAB para o desenvolvimento regional






O presidente da Fundação Maria Fernandes dos Santos, entidade filantrópica sediada na cidade serrana de Martins no Médio Oeste Potiguar, destaca a importância do trabalho realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) através do Programa Compra Direta e do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) que tem ajudado a varias associações, fundações e comunidades.

“É um programa fantástico. Porque adquiri a produção de pequenos agricultores e os repassa para entidades assistenciais que atendem pessoas carentes. É mais um programa em parceria do Governo do Estado com o governo federal na área da segurança alimentar que vem tendo muito sucesso”, disse Francisco Martins que através da Fundação Maria Fernandes dos Santos é parceiro da CONAB em Martins.

O Programa Compra Direta, distribuiu através de entidades, alimentação de qualidade para milhares de famílias de baixa renda.

No Rio Grande do Norte o programa conta ainda com a parceria da Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento via Ematern e a Companhia Nacional de Abastecimento.
O presidente, Francisco Martins, ainda fala do relevante trabalho do Superintendente Regional da Conab no RN, Francisco Sales de Medeiros, pelo sucesso na coordenação do órgão no Rio Grande do Norte. “O superintendente e toda a sua equipe merecem o reconhecimento pela competente condução da política alimentar em nosso estado, pois visam o benefício da população de baixa renda”, disse Martins.

Motivada pelo bom desempenho do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), no Rio Grande do Norte, no ano passado, a Superintendência Regional da Conab no estado vai intensificar em 2010 a divulgação das ações deste programa aos produtores rurais da região.
No ano passado foram beneficiados 1.846 pequenos produtores, que venderam ao governo 2.089 toneladas de produtos, como farinha de mandioca, mel de abelha, castanha de caju, peixe, polpa de frutas, entre outros. Os alimentos foram destinados à formação de estoques públicos e doados a famílias que vivem em situação de insegurança alimentar e a atendimento de casos emergenciais. Para este público foram mais de 30 mil cestas, totalizando 718.750 mil quilos de produtos.

O PAA também atendeu pescadores artesanais, onde a categoria teve um avanço considerável. Foram mais de R$ 1,5 milhão investidos em dezenove projetos para compra de pescado e derivados de 493 produtores potiguares, totalizando 352.874 mil quilos.

Ao longo de 2009, a tilápia eviscerada, tucunaré, tambaqui, sardinha, além do hamburger, da almôndega e lingüiça de peixe, chegaram à mesa de 66.600 pessoas em 17 municípios, por meio da parceria entre a Conab e associações de colônias de pescadores do estado.

“A CONAB vem garantindo a segurança alimentar das pessoas de baixa renda e gerando trabalho no campo, fortalecendo a agricultura familiar e propiciando o desenvolvimento regional”, destacou

A Superintendência da Conab no RN também vai distribuir nos próximos dias 6.400 toneladas de feijão a entidades públicas e de interesse social, devidamente regularizada e com atuação direta em ações de segurança alimentar e nutricional, que mantenham vínculo com programas coordenados pelos ministérios do Desenvolvimento Social (MDS) e da Educação (MEC), e pela Secretaria Nacional de Defesa Civil.

Serão 4.000t em Natal, 600t em Caicó, 800t em Currais Novos, 400t em Assú e 600t em Mossoró, onde a Conab mantém unidades armazenadoras. As entidades sociais que tiverem interesse em receber doações devem procurar a estatal para realizar os procedimentos necessários.

Mega-Sena acumula e estima prêmio de R$ 4 milhões



Nenhum apostador acertou os seis números sorteados nesta quarta-feira, 20, no concurso 1.146 da Mega Sena. A estimativa de prêmio para o próximo sorteio é de R$ 4 milhões, a ser sorteado no sábado, 23.

O sorteio desta noite foi realizado pela Caixa Econômica Federal na capital alagoana, Maceió. Cinquenta e três apostadores fizeram a Quina e receberão R$ 18.010,80 cada, enquanto 3.641 pessoas acertaram a Quadra e vão ganhar R$ 374,53 cada uma. Os números sorteados foram: 06-10-28-33-34-53.

Criação de emprego forma cai 64% no RN em 2009, mostra Caged

A quantidade de novos empregos formais gerados no Rio Grande do Norte caiu 64% em 2009. O ano fechou com saldo de 4.800 vagas criadas - resultado das contratações menos as demissões. No fim de 2008, esse número era de 13.531. Esse desempenho é o pior desde 1999, quando o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, começou a divulgar esses números. Naquele ano, houve corte de 579 vagas no estado.


De acordo com dados divulgados ontem pelo os setores que se destacaram no ano passado foram a indústria extrativa mineral, comércio, administração pública e agropecuária. Eles conseguiram ter resultados melhores do que em 2008.


O maior destaque fica para o comércio, que abriu 4.160 vagas com carteira assinada em 2009, 8,6% a mais do que o saldo do ano anterior. A administração pública vem em seguida, com 306 novos postos de trabalho, contra um corte de 101 em 2008. A indústria extrativa mineral e a agropecuária não tiveram resultados positivos, mas conseguiram amenizar o desempenho negativo. A primeira, que tinha fechado 146 vagas, conseguiu fechar o ano com 11 empregos gerados. A segunda saiu de -2.750 para -1.630.


Entre os que terminaram o ano no vermelho está a construção civil, o maior tombo de 2009. No ano anterior, o aquecimento do setor representou a abertura de 3.015 vagas. Doze meses depois, o resultado negativo apontou 823 vagas fechadas. A diretora executiva do Sindicato da Indústria da Construção Civil do estado (Sinduscon RN), Ana Adalgisa Paulino, diz que o fim de ano já é uma época em que, tradicionalmente, há demissões. "Além disso, 2009 começou com a continuação da crise, quando houve muita retração e as obras diminuíram o ritmo". Contudo, ela lembra que foram feitos vários lançamentos imobiliários no segundo semestre do ano passado. "Os empreendimentos levam alguns meses, ou mesmo um ano, para darem início às obras. Então acreditamos que teremos, em 2010, um ano tão bom como foi 2008".


Recuperação


Por outro lado, os números divulgados ontem mostram que o mês de dezembro do ano passado foi melhor do que o de 2008 - confirmando a tendência de recuperação que começou em outubro de 2009. No mês passado, houve o corte de 1.699 vagas no RN. Apesar de negativo, o saldo foi melhor do que em dezembro de 2008, quando esse resultado foi de -4.403 postos de trabalho. O último trimestre do ano passado foi um dos termômetros que mostrou a recomposição da economia frente ao mesmo período do ano anterior, quando a crise financeira internacional estava no ápice e, se não fazia "vítimas" diretamente, espalhava o medo de investimento e consequente retração no mercado.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Caern publica em fevereiro editalpara novo concurso público



SALÁRIOS SÃO DE ATÉ R$ 3.652,12. PROVAS ESTÃO PREVISTAS PARA O MÊS DE ABRIL Na primeira semana de fevereiro, a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) vai publicar o Edital para realização de um novo concurso público.


O processo seletivo visa a formação de cadastro reserva para diversos cargos e funções do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração da empresa. O certame será realizado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), que está elaborando todas as normas do concurso constantes no Edital.


As provas devem ser realizadas no mês de abril. Serão oferecidas vagas com salários iniciais que variam de R$ 3.652,12 para nível superior, R$ 1.753,02 para nível médio técnico e R$ 1.242,88 para nível médio.


Além dos salários atrativos para a média local, a Caern oferece outros benefícios e vantagens concedidos para os seus empregados, como Vale Alimentação mensal de R$ 380,00, Plano de Saúde, Previdência Privada Complementar (Caernprev), Auxílio Creche e, dependendo do cargo, Vale Transporte.


A Companhia também tem um plano de incentivo, o Programa de Participação nos Resultados (PPR), que pode gerar anualmente um adicional de 1,5 salário base do empregado, além de dispor do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração, que prevê promoção alternadas por mérito e antiguidade.


O processo vai selecionar profissionais para compor o cadastro de reserva (quadro de profissionais classificados no concurso, à disposição da Caern para suprir eventuais necessidades), que terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos.


Embora o concurso seja para composição de cadastro de reserva, parte dos profissionais aprovados será convocada logo após a realização no concurso, uma vez que a Caern possui necessidade de contratação imediata de empregados de diversas áreas como jornalistas e engenheiros civis, por exemplo.


Serão selecionados profissionais de nível superior para os cargos de Administrador, Assistente Social, Analista de Materiais, Economista, Engenheiro Civil, Engenheiro Mecânico, Engenheiro Eletricista, Engenheiro de Produção, Geógrafo, Jornalista, Psicólogo, Químico e Sociólogo.


O Cadastro de Reserva terá ainda cargos e funções de nível médio, contemplando Agente Administrativo e nível médio técnico, para Técnico de Contabilidade e Técnico em Engenharia (Saneamento, Edificações, Eletrotécnica e Mecânica).


Dentro do programa de renovação do quadro de pessoal, a Caern realizou em 2008 um concurso público e já contratou 140 novos empregados para cargos em diversas áreas. “A Caern está passando por uma nova fase de reestruturação, que inclui a renovação do seu corpo funcional, oxigenando a empresa com novos talentos, mas sem deixar de lado a experiência acumulada dos profissionais que já integram o quadro de colaboradores da empresa”, destaca Walter Gasi, diretor-presidente da Companhia.


REUNIÃOPlano Municipal de Saneamentode Natal estará pronto até junho ANÚNCIO FOI FEITO DURANTE REUNIÃO ENTRE TÉCNICOS DA CAERN E DA PREFEITURA FOTO EM ANEXO O Plano Municipal de Saneamento de Natal deve ser concluído até junho.


Esta foi uma das metas estabelecidas na primeira reunião de trabalho realizada entre técnicos da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) e a prefeitura de Natal, ocorrida na manhã desta quarta-feira (20) na sede da empresa.


De acordo com o assessor de gestão empresarial da Caern, Marcos Rocha, a Caern irá fornecer todos os dados de cadastro, projetos e informações necessárias para a empresa Aquactool, que foi contratada pela prefeitura de Natal para realizar o Plano.


Embora a elaboração dos planos municipais de saneamento básico seja uma atribuição das prefeituras, a Caern vem assessorando os municípios para que eles elaborem seus planos municipais de saneamento até o final deste ano, como determina a Lei do Saneamento (Lei nº 11.445 de 2007).


Além de Natal, a Companhia está assessorando as prefeituras de Parnamirim, Macaíba, Assu, Caicó, São José do Mipibu, Currais Novos, Jardim do Seridó e Parelhas. “A Caern atua como parceira e disponibiliza seu corpo técnico para ajudar os municípios no desenvolvimento de cada Plano”, explica Marcos Rocha.


O coordenador do Comitê para execução do Plano em Natal, Vital Nóbrega, da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semopi), destacou na reunião que o Plano irá seguir metas possíveis de serem alcançadas.


Ele agradeceu a Caern por estar repassando as informações antes mesmo de serem solicitadas pelo Município. No encontro ficou acertado que a gerência de Projetos da Caern irá repassar as informações solicitadas e compor o grupo que deverá se reunir pelo menos uma vez por semana para a elaboração do Plano.


Além de auxiliar com o Plano Municipal de Saneamento, a Caern também contratou empresa para elaboração do Plano Diretor de Águas de Natal que traçará planos futuros sobre o abastecimento da cidade.

Bares terão que pedir à Fifa para exibir jogos da Copa

Qualquer local que pretenda exibir jogos da Copa do Mundo deste ano terá de solicitar autorização diretamente à Fifa, informa a coluna Outro Canal, assinada interinamente por Laura Mattos e publicada na Folha desta quarta-feira (20).

De acordo com informações da coluna, mesmo que a transmissão não tenha fins comerciais, como em escolas ou hospitais, é preciso pedir permissão aos organizadores.
As informações e os documentos a serem preenchidos estão, em inglês, no site da Fifa.
Caso autorizada, a empresa interessada deverá ainda encaminhar uma solicitação à Globo, emissora que detém os direitos de transmissão no Brasil.

Ainda segundo a Outro Canal, até a Copa anterior, a Globo era responsável pelas autorizações. Este ano, a Fifa resolveu centralizar os pedidos no mundo todo e cobrará taxas pela transmissão daqueles que quiserem organizar eventos com fins comerciais.

Governo cancela mais de 23 mil cartões do Bolsa Família por não comparecimento à escola




O governo federal cancelou 23,5 mil cartões do Bolsa Família neste mês porque as famílias não apresentaram comprovação de que as crianças estavam frequentando a escola. Outros 94.640 benefícios foram cancelados por 60 dias e mais 100 mil bloqueados por um mês pelo mesmo motivo.

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, responsável pelo programa, informa que alunos de até 15 anos têm que frequentar ao menos 85% das aulas. Já os adolescentes de 16 e 17 anos precisam comparecer a ao menos 75% delas.

As sanções para quem desrespeita essas regras são gradativas. No caso dos menores de 15 anos, as famílias recebem uma advertência quando é detectada a baixa frequência. Se não houver alteração nos números, o benefício é bloqueado por um mês, mas o valor pode ser resgatado no mês seguinte caso a situação se regularize. Caso contrário, o benefício é suspenso por 60 dias. No caso de cinco descumprimentos consecutivos, a bolsa é cancelada definitivamente.

Já para os adolescente de 16 e 17 anos, o processo é mais ágil. Há a advertência, a suspensão de 60 dias, e, logo em seguida, o cancelamento no caso de as irregularidades persistirem. Outra diferença no caso dos adolescentes é que apenas o benefício de R$ 33 por filho (limitado a dois filhos por família) é cancelado. Os R$ 22 por filho de até 15 anos (limitado a três) e o benefício básico de R$ 68 (destinado a famílias extremamente pobres, que têm renda per capita de até R$ 70) continuam disponíveis, desde que os alunos de até 15 anos estejam cumprindo a frequência.
Os ministérios do Desenvolvimento Social e da Educação monitoraram 15,7 milhões de alunos beneficiados pelo programa no bimestre de outubro/novembro de 2009, 88% do total de crianças e adolescentes beneficiados pelo programa. Cerca de 12,4 milhões de famílias com renda mensal de menos de R$ 140 em todo o Brasil recebem o benefício.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Repasse de royalties para o RN cai 29,6% em 2009

O Rio Grande do Norte faturou 29,6% a menos em royalties em 2009, quando comparado ao ano anterior, de acordo com informações da Agência Nacional de Petróleo (ANP). Isso significa menos dinheiro nos cofres de prefeituras, relacionadas direta ou indiretamente com a produção de petróleo, e do Estado. O recuo no RN foi um pouco maior do que a média nacional, que foi de 27%. Para a Petrobras (principal pagadora dos royalties no Brasil), o motivo desse desempenho foi, no geral, a oscilação no preço da cotação internacional de petróleo e da taxa de câmbio; e, no particular, uma queda de 5% no volume de produção dos poços potiguares.

Em 2008, a soma dos royalties - compensação financeira pela produção de petróleo e gás nos estados e municípios - pagos ao estado e muncípios foi de R$ 379,27 milhões, enquanto no ano passado eles chegaram a R$ 266,7 milhões, o que representa uma queda de quase 30%. Dez estados brasileiros e mais de 800 municípios envolvidos com a atividade deprodução e exploração do petróleo recebem estes recursos.

O gerente geral da Unidade de Exploração e Produção para o Rio Grande do Norte e Ceará (UN-RNCE) da Petrobras, Joelson Mendes, diz que os estados, de uma maneira geral, perderam com o faturamento das compensações em virtude do preço médio do barril do petróleo em 2009 ter sido menor do que em 2008, de acordo com ele, cerca de 30% menor. Mendes diz que os níveis de produção dos poços de petróleo ficaram "mais ou menos iguais" em relação ao ano anterior. "Nossa queda foi um pouquinho maior porque nossa produção foi cerca de 5% inferior a 2008".

De acordo com ele, a principal razão por essa queda de volume está no fato do RN ter uma bacia de produção "madura", ou seja, que já passou do seu pico de produção. "Assim que um poço é perfurado, ele vai perdendo pressão e, consequentemente, ele produz menos ano a ano. É um processo natural", explica o gerente. Embora essa perda de capacidade de produção dos poços seja uma "tendência natural", existem tecnologiaspara evitar que essa diminuição se acelere.
Mendes fala que foram investidos mais de US$ 200 milhões no vaporduto que será inaugurado amanhã, no município de Alto do Rodrigues (Alto Oeste do RN). Ao se injetar vapor nos poços, o óleo fica mais fluido, facilitando a sua extração. O vaporduto do Vale do Açu é o maior do mundo, com uma extensão de aproximadamente 30km, e o primeiro a operar com vapor superaquecido. O gerente fala que, no pico, a produção responderá por mais de 18 mil barris por dia. Ele finaliza afirmando que em 2010 serão investidos R$ 1 bilhão no estado perfurando novos poços e com projetos de injeção de água e vapor.

TV Apodi entra no ar em fevereiro

A Cidade de Apodi ganhará muito em breve a sua primeira TV via internet com programação própria. A iniciativa é do empresário do ramo de farmácias José Maria que concluiu recentemente a construção do estúdio e redação da emissora. De acordo com Zé Maria no inicio do mês de fevereiro a emissora estará no ar.

A emissora contará com programação própria, incluindo jornalismo entretenimento, musicalidade, rural e religiosidade. “Contaremos com uma programação eclética, com sabatinas, e muita interatividade com o público”. Comenta o empresário.

Em tempo

O número de internautas brasileiros cresceu 10% frente ao mês anterior, para 36,4 milhões, informou a Ibope Nielsen Online. Segundo a empresa de pesquisa, há no Brasil 44,5 milhões de usuários com acesso à web em pelo menos um desses ambientes.
Dentre 10 países pesquisados, o Brasil novamente ocupou primeiro lugar em tempo online por pessoa, com 71 horas e 30 minutos. Se for considerado o tempo consumido pelos usuários a penas em sites foram 48 horas e 26 minutos contra 44 horas e 59 minutos em junho.

Foco News

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Governadora determina retomada das obras de saneamento de Apodi




A governadora Wilma de Faria determinou o reinício das obras de esgotamento sanitário de Apodi. Na tarde desta segunda-feira (18), ela ligou para o diretor-presidente da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), Walter Gasi, e autorizou a liberação de um aditivo no valor de R$ 1,6 milhão para a retomada das obras de saneamento da cidade. O aditivo está sendo liberado e a expectativa da Caern é de que elas sejam reiniciadas em até 30 dias. A governadora também entrou em contato com a prefeita, Maria Goreti da Silveira Pinto, informando que o Governo do Estado irá perfurar mais dois novos poços tubulares, para amenizar o problema de abastecimento no município.

Com a liberação do recurso, a Caern terá condições de construir um emissário e a lagoa de tratamento, interligando a rede dos cerca de 1.500 ramais domiciliares de esgotos que já foram instalados pela Companhia no município. Numa segunda etapa outros 1.500 ramais serão instalados, universalizando o saneamento em Apodi. “O Governo do Estado está sendo sensível aos problemas de abastecimento e esgotamento sanitário da nossa cidade”, destacou a prefeita em conversa, por telefone, com a governadora Wilma de Faria. O contato aconteceu durante audiência com o diretor-presidente da Caern, na sede da empresa, em Natal.

Na audiência com a prefeita, que esteve acompanhada do chefe de gabinete da prefeitura, Walter Gasi informou que uma equipe da Caern já está se deslocando para Apodi para perfuração de um novo poço, que vai ser construído ao lado do P-3, que teve que ser desativado em função do rompimento do filtro e do pré-filtro no último fim de semana.“Os poços que abastecem Apodi possuem mais de vinte anos e precisam de manutenção constante. Vamos iniciar a perfuração de um novo poço em caráter emergencial e buscar uma nova área para perfuração de um segundo poço, para que tenhamos condições de não enfrentarmos mais problemas de abastecimento em Apodi”, informou o diretor-presidente da Caern.

Enquanto o novo poço, previsto para entrar em operação em trinta dias, não começa a funcionar, a Caern irá disponibilizar carro pipa para atendimento de escolas, centros de saúde e outros serviços essenciais do município. Nesta terça-feira (19), o diretor-técnico da Caern, Clóvis Veloso, estará com uma equipe da Companhia para iniciar o serviço de perfuração de um novo poço na cidade. A instalação de outro poço reserva depende agora da cessão de um terreno, por parte da prefeitura.

Apodi terá novo poço para abastecimento de água







A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) irá perfurar um poço emergencialmente na cidade de Apodi. Nesse final de semana, um dos três poços teve rompimento do filtro e do pré-filtro, sendo necessário sua desativação. O poço desativado é responsável pelo abastecimento de 30% da população. A Caern orienta que a população use racionalmente a água enquanto providencia a perfuração do novo poço que está estimada entre 20 e 30 dias. Na tarde desta segunda-feira (18), o diretor-presidente da Caern, Walter Gasi, recebe a prefeita de Apodi, Maria Goreti da Silveira Pinto, para apresentar as medidas adotadas para evitar o desabastecimento da cidade.

Para dar agilidade à perfuração, a Caern vai aproveitar a mão de obra e os equipamentos que estão sendo utilizados para perfuração do poço de Traíras, em Macaíba. Tão logo, o poço de Apodi esteja concluído, será reiniciado a perfuração do poço de Macaíba. Além disto, a Caern vai buscar junto à prefeitura de Apodi, um terreno para desapropriação, para que seja perfurado um poço reserva de abastecimento da cidade.

De acordo com o diretor-presidente da Caern, quanto mais rápido a prefeitura fizer a cessão do terreno, o poço reserva poderá ser perfurado, ao mesmo tempo que o outro esteja em andamento. Para reduzir os transtornos com o desabastecimento, a Caern está disponibilizando carros-pipa para atender à demanda de hospitais, escolas e serviços essenciais do município.

OPERAÇÃO BOQUEIRÃO PRENDE MAIS 7 TRAFICANTES NA CIDADE DE PARELHAS




Líder da quadrilha



A Operação Boqueirão realizada no último sábado (16) prendeu por volta das 15hs no Bairro de Cruz do Monte, na cidade de Parelhas, sete membros de uma quadrilha de traficantes que agia na cidade. Durante a prisão, a policia encontrou 39 pedras de crack e aproximadamente R$ 100,00 em notas trocadas.

A investigação realizada pela policia durou cerca de trinta dias e acabou resultando na prisão do líder da quadrilha, Ismael da Silva Bezerra, 23 anos e mais seis pessoas: Joacil Francisco de Lima, 29 anos; Jose Carlos Bezerra, 18 anos; Josinaldo de Lima, 30 anos; Claudio Teodoro Bezerra, 21 anos; Washington Macedo da Silva, 24 anos; e Maria das Graças Bezerra, 40 anos..

Na região, o tráfico acontecia da seguinte forma: Ismael liderava a quadrilha enquanto que Claudio, Josinaldo, Jose Carlos, Washington e Joacil, vendiam a droga diretamente aos viciados. Já Maria das Graças, tia de Ismael, ficava com a droga em sua residência.


A operação que foi deflagrada pare reprimir o tráfico local, durante a festa de padroeiro da cidade promovida entre os dias 10 e 20 de janeiro, conseguiram prender 13 pessoas por tráfico de drogas, em menos de uma semana. Desde o inicio do trabalho realizado no dia 22 de julho de 2009, já foram presas 47 pessoas na região.

Henrique Alves tenta negociar para evitar gerra no plenário sobre pré-sal


O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), resiste em apoiar qualquer proposta de divisão dos royalties com os municípios e estados não produtores. A posição fez alguns deputados usarem o recesso parlamentar para tentar encontrar uma saída ao impasse do final do ano passado, que paralisou a votação do projeto relatado pelo líder do PMDB na Câmara, Henrique Eduardo Alves (RN).

O parlamentar do Rio Grande do Norte reuniu-se, na semana passada, com Cabral e Eduardo Paes, o prefeito da capital fluminense, para alertá-los da necessidade de flexibilizar a posição e evitar uma nova guerra em plenário. Há também um esforço para colocar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva à frente das negociações.

A rebelião foi iniciada graças à emenda proposta pelos deputados Humberto Souto (PPS-MG) e Ibsen Pinheiro (PMDB-RS). A ideia prevê a repartição de maneira igualitária dos recursos dos royalties para estados e municípios, de acordo com os fundos de participações dos Estados (FPE) e dos Municípios (FPM).

Isolados, os estados produtores — Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo — não têm votos suficientes em plenário para derrubar essa proposta. Vendo o apoio a seu relatório que implementa o modelo de partilha(1) de exploração desidratar-se, Alves já trabalha com um plano B para vencer o conservadorismo de Sérgio Cabral. Pedirá intervenção de Lula e uma nova rodada de negociações entre governadores dos estados produtores e dos não produtores.
Cabral e seus aliados pregam que não vão ceder porque o relatório de Henrique Eduardo Alves contempla interesses de governadores do Nordeste, como o pernambucano Eduardo Campos (PSB). O deputado, no entanto, acredita que, nessa questão, as bancadas não estão mais seguindo a orientação de seus governadores.

Divisão

Para a receita que vier da exploração do petróleo ultraprofundo, Alves beneficia a União ao acabar com a participação especial, recurso que beneficia os produtores. Nos royalties, aumenta de 10% para 15% e repartilha o dinheiro. Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo receberão 18% desse total. Os municípios produtores ficarão com 6%. E 44% serão divididos entre todos os estados e municípios de acordo com o FPE e o FPM. Esses percentuais são o que vai dividir R$ 60 bilhões na primeira fase de exploração do petróleo.

Há uma razão financeira por trás da resistência dos três estados. Eles perderão cerca de R$ 2 bi-lhões em receitas caso a proposta apresentada por Ibsen e Souto passe na Câmara. Com um exército de prefeitos a seu favor, o deputado Humberto Souto afirmou que, na volta aos trabalhos, em fevereiro, a Casa ficará lotada de prefeitos pressionando pela aprovação da redivisão dos recursos do pré-sal.
Veto
Alves reagiu à iniciativa dizendo que os dois deputados adotaram um discurso fácil em pleno ano eleitoral para atender às suas bases. E voltou a lembrar que, se seu texto for modificado de novo em plenário, sem um acordo, o presidente Lula poderá vetar o que não foi consensual. “Os municípios já estão bem atendidos. Mas a votação não tem data ainda. Vamos procurar um entendimento porque não dá para manter o clima de guerra do final do ano”, afirmou.

O relator disse ser necessário o empenho dos governadores em refazer o clima de negociações. “Vamos ver o que o presidente Lula tem a dizer. Vamos fazer uma nova rodada de negociação com os governadores. Precisamos votar e não ficar em guerra”, disse o deputado pelo PMDB do Rio Grande do Norte.

1 - União

O modelo de partilha implementado para a futura produção do petróleo do pré-sal determina que a União é dona do petróleo e do gás e se torna sócia das empresas no processo de exploração. Na proposta anterior de concessão, todo o óleo e o gás natural produzidos pertencem à empresa concessionária. Os campos licitados operam na ordem anterior, mas estados do Nordeste querem alterar esses contratos.

Discórdia

O polêmico texto da partilha do pré-sal A fim de atender aos mais diversos interesses na exploração do petróleo ultraprofundo, o deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) tentou encontrar uma fórmula para agradar a todos, mas não conseguiu. Os estados não produtores querem mais recursos. Veja abaixo um resumo do parecer do peemedebista. Mudanças podem ocorrer no plenário.

Royalties

O máximo sai de 10% para 15%. Estados produtores receberão 18% do total, municípios produtores, 6%. As cidades afetadas pela produção vão ficar com 2%. A União chegará a 30% e 44% serão distribuídos de acordo com os critérios dos fundos de participações dos Estados (FPE) e dos Municípios (FPM).

Participação especial

Alves acaba com essa proposta para beneficiar a União, que ficará com parte da produção e evitará pagar essa espécie de tributo a estados e municípios produtores. Foi a engenharia encontrada para agradar o governo federal depois que os royalties foram elevados.

Bônus

Todo contrato para exploração do petróleo da camada pré-sal terá um bônus de assinatura. Nos campos de produção já licitados, a União fica com todo o recurso. Nesse novo modelo, 90% acabarão nos cofres federais e 10%, divididos de acordo com o FPE e FPM.

Marginalizados Campos de petróleo e gás natural com até um milhão de barris deverão ser repassados a pequenas e médias empresas petrolíferas. A regra de distribuição será formulada pela Agência Nacional do Petróleo.

Campos licitados

São 28% os campos de pré-sal que já passaram por licitação. O governo propôs no final do ano passado um acordo para diminuir a resistência dos não produtores: reduziria os royalties e a participação especial da União e repassaria aos estados e municípios que não têm produção em seu litoral. O Rio de Janeiro também reclamou da proposta.